Literatura é isso aí!


O Sobrenatural de Almeida zuando com o pobre do Deivid do Flamengo. Socorro, Nelson Rodrigues!