Dalton Trevisan vence o Camões


Dalton Trevisan, consagrado mestre da narrativa curta, venceu o Prêmio Camões, após a deliberação do júri da premiação na manhã de hoje, em Lisboa. O escritor curitibano, que completará 87 anos no dia 14 de junho, foi reconhecido por sua contribuição para a arte do conto e seu trabalho com a linguagem concisa, que ele condensou ainda mais ao longo de sua obra. De acordo com Silviano Santiago, escritor brasileiro e professor emérito da Universidade Federal Fluminense que fez parte do júri do Camões, Trevisan contribuiu para o “enriquecimento de uma tradição que vem de Machado de Assis, no Brasil, de Edgar Allan Poe, nos EUA, e de Borges, na Argentina”. Trevisan é dono de uma obra extensa, e sua publicação mais conhecida é O vampiro de Curitiba (1965), que conta uma série de relatos sobre Nelsinho, jovem solitário que vaga pela cidade assediando mulheres. [PublishNews - 21/05/2012 - Por Roberta Campassi]